Sites de compra coletiva firmam parceria com Procon-SP






A Fundação de Proteção e Defesa ao Consumidor de São Paulo (Procon-SP) se reuniu na quarta-feira com integrantes da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Câmara E.net) para tentar buscar soluções para reduzir o índice de reclamações dos consumidores feitas ao órgão sobre os sites de compras coletivas, segundo informações do Procon-SP. As empresas se comprometeram a estabelecer uma parceria com o órgão.

De acordo com o Procon-SP, a Câmara E.net vai recomendar aos associados a inserção na página principal do site dados como CNPJ, endereço e telefone do Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) e até o número dos produtos no estoque dos fornecedores. Além disso, o órgão e a associação devem produzir uma cartilha de orientação ao consumidor sobre compras coletivas. A preocupação do Procon-SP é em relação ao alto índice de reclamações nesta época de compras do Natal.

Segundo o Procon-SP os sites Groupon, Click On e Peixe Urbano foram autuados no dia 7 de novembro pela prática de conduta em desacordo com o Código de Defesa do Consumidor, sendo que 11 estabelecimentos que vendem produtos e serviços por meio de ofertas nestes sites também foram autuados pelo órgão.

As empresas responderão processos administrativos, podendo receber multa que varia de R$ 400 a R$ 6 milhões, com base no artigo 57 do Código de Defesa ao Consumidor.

Fonte: terra.com.br